20/05/2015

​​​​Programa de reinserção social do SESI certifica nova turma 

Nesta quinta-feira (21), o superintendente do SESI/PE, Ernane Aguiar, recebe o presidente do Conselho Nacional da entidade, Gilberto Carvalho, na solenidade de formatura do programa ViraVida. A partir das 19h, 85 jovens em situação de vulnerabilidade social serão certificados nos cursos de "Atendente de Lanchonete", "Operador de Computador", "Operador de Telemarketing", "Vendedor" e "Promotor de Vendas", realizados em parceria com o Senac. A cerimônia acontece no auditório da Casa da Indústria, no Recife, com a presença de familiares e amigos dos alunos.

Os formandos são concluintes da terceira etapa do programa, encerrada em 2014. A quarta etapa já está em andamento, desde março, com cerca de 100 meninos e meninas em preparação para ingressar no mercado profissional. Além de formação técnica, os estudantes recebem atendimento psicossocial e reforço de escolaridade. Uma bolsa de estudos também é oferecida, durante o período de formação, para reforçar o orçamento familiar dos participantes.

Após a conclusão dos cursos, os formandos contam com a ajuda do Núcleo de Empregabilidade do ViraVida para ingressar no mercado de trabalho.  "Entramos em conta​to com empresas e instituições para que os estudantes participem de processos seletivos. Mais do que empregadores, os parceiros são verdadeiros `padrinhos´ para os jovens", diz a coordenadora do ViraVida em Pernambuco, Giselle Soares.

Comércio e indústria são os setores que mais buscam os profissionais formados pelo programa. "As empresas recebem do SESI profissionais capacitados e motivados para crescer profissionalmente. Eles valorizam muito a oportunidade e se esforçam, no dia a dia, para retribuir através de resultados", conta Soares.

De 2009 para cá, mais de 500 jovens já foram beneficiados pelo ViraVida no Estado. Mais de 80% deles conseguiram deixar para trás um histórico de violência, drogas e exploração sexual, e hoje estão inseridos no mercado de trabalho, através de programas de estágio, aprendizagem e emprego. "Para eles, cada dia é sinônimo de vitória, superação e dignidade", finaliza a coordenadora. ​