25/09/2017

Igarassu terá 22ª biblioteca do SESI

 

A cidade histórica e tombada pelo Iphan, Igarassu, vai abrigar a 22ª biblioteca Indústria do Conhecimento em Pernambuco. A unidade vai oferecer para trabalhadores da indústria da região e moradores do município dez computadores com internet gratuita, acervo com mais de mil livros, e CDs e DVDs e jornais atualizados, para pesquisa e estudo.

 

O centro multimídia faz parte da proposta da Confederação Nacional da Indústria em oferecer educação continuada aos industriários, com projeto executado pelo Sesi em todo o País. A 22ª unidade em Pernambuco será mais uma ferramenta de inclusão digital e acesso ao conhecimento e cultura que vai beneficiar as mais de 750 indústrias setentrionais da Região Metropolitana do Recife e da Mata Norte do Estado, e os seus quase 40 mil trabalhadores, além de grupos escolares e idosos, residentes na região.

 

A biblioteca de Igarassu será uma forte estrutura de apoio ao trabalhador da indústria e dependentes e a quarta biblioteca da Região Metropolitana do Recife, setor norte, cuja região tem outras três unidades destinadas a atender o forte polo industrial da região. São elas: Itapissuma (parceria com a prefeitura), Abreu e Lima, instalada na indústria Fibrasa e Paulista, dentro da fábrica da Brilux. A região possui um vasto universo fabril, automotivo, de saúde, bebidas e alimentos, com empresas em implantação e outras a caminho.

Segundo a coordenadora da IDC em Pernambuco, Bruna Santos, "os usuários terão acesso a diversos cursos gratuitos onlines, dentro do projeto Certifica Online, que também acontece em parceria com outras entidades do Sistema S como Sebrae e Senac", explica.

 

"Esse polo está em retomada na economia, motivada pelas atividades de indústrias recentemente instaladas, no setor alimentício e setor automotivo. Para que essas fábricas não busquem mão de obra fora do município, o Sesi vai contribuir para aumentar o conhecimento da população", diz o superintendente da entidade, Nilo Simões.

Entre 2008 e 2013, o Sesi/PE construiu e inaugurou 20 bibliotecas, na RMR, Zona da Mata norte e sul, no Agreste e Sertão. Atualmente, mais de 70.000 pernambucanos estão cadastrados como usuários dos centros multimídias.