18/02/2019

​​Referência pelo modelo de educação inovador, o Serviço Social da Indústria em Pernambuco (SESI-PE) comemora o resultado expressivo de 245 aprovações nos vestibulares mais conceituados do Estado. Da capital ao interior, a unidade de Escada foi a que obteve mais alunos aprovados em instituições públicas e privadas: 81%, seguida por Caruaru, que atingiu a marca de 74%.

Grande parte dos estudantes optou por seguir carreiras no ramo da ciência, engenharia e tecnologia, áreas que contribuem para o desenvolvimento da indústria. Ao todo, 33 alunos foram selecionados para os cursos de Engenharia e o SESI Paulista foi o que alcançou o maior índice nessa área, chegando a 60% de aprovação. Esses números significativos geraram imensa satisfação à instituição e ao corpo docente. "A dedicação dos nossos estudantes somada ao suporte dado pela estrutura da Rede SESI de Educação inseriu mais de 200 alunos no Ensino Superior. Pernambuco é um celeiro de talentos e, sem dúvidas, a futura mão de obra que irá atuar no setor produtivo será muito bem qualificada", comentou o superintendente do SESI-PE, Nilo Simões.

Nas outras áreas, os alunos também se destacaram, a exemplo da estudante Karla Fernanda da Silva, do SESI Caruaru, que conquistou o 2º lugar em Letras na Universidade Federal de Pernambuco. Para ela, os professores da entidade sempre estão em busca de extrair o melhor de cada aluno. "Muito da minha conquista devo ao corpo docente, que é composto por profissionais excelentes, e a estrutura de qualidade do SESI, com aulas participativas, biblioteca e materiais didáticos de qualidade", disse.

No campo da saúde, a unidade de Caruaru inseriu 20 jovens nos centros universitários, enquanto que a unidade do Ibura conseguiu aprovar 20 discentes em humanas.

A Rede de Educação do SESI/PE conta com aproximadamente 6.000 alunos matriculados, sendo 3.243 estudantes no Ensino Fundamental e 2.750 alunos no Ensino Médio. Atualmente, 63,4% dos alunos do SESI-PE são dependentes de trabalhadores da indústria.