04/08/2014

​​​Cento e dez casais participarão do 11º Casamento Coletivo do SESI​

De vestido branco e buquê em mãos, como manda o figurino. Será assim que 110 noivas pernambucanas encontrarão seus amados, neste domingo (10/08), para a realização de um sonho: oficializar a união no religioso. A troca de alianças acontece​​ no SESI do Ibura, a partir das 15h, com a presença de amigos e familiares dos casais.

A 11ª edição do Casamento Coletivo é promovida pelo Serviço Social da Indústria em Pernambuco (SESI/PE), em parceria com o Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Pernambuco (Sinduscon/PE) e Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil e Pesada​ (Marreta). Todos os casais são formados por industriários do segmento e não pagam nada para "subir ao altar": da roupa à lua de mel, tudo é gratuito para os enamorados.

As mulheres, claro, ganham atenção especial no grande dia. Elas estarão no local da cerimônia a partir das 8h para o "Dia da Noiva". Lá, ficarão sob os cuidados de uma equipe formada por mais de 80 profissionais, entre eles cabelereiros e maquiadores, responsáveis por tornar a data ainda mais inesquecível.  

 "Casar é um sonho comum a muitos trabalhadores da indústria. Os custos de uma festa, no entanto, acabam inviabilizando a celebração. Por isso, ficamos felizes em tornar esse sonho possível para o industriário da Construção Civil, setor que tanto contribui para o crescimento de Pernambuco", diz o superintendente do SESI/PE, Ernane Aguiar.

Após a cerimônia ecumênica, celebrada por um padre e um pastor, os casais farão as fotos oficiais (cada um é presentado, posteriormente, com quatro fotos) e seguirão direto para a noite de núpcias, no Portal de Gravatá.