09/10/2018

A partir de janeiro de 2019, as empresas brasileiras serão obrigadas a enviar informações sobre saúde e segurança dos trabalhadores ao eSocial, plataforma que entrega ao governo, de forma compilada, dados sobre a relação trabalhista e previdenciária. Pensando no ​desafio que os negócios vão enfrentar, sobretudo os industriais, o SESI-PE lança o SESI Viva+ no próximo dia 10, na Casa da Indústria, a partir das 9h.  As empresas que aderirem à plataforma de inteligência terão, entre outros benefícios, informações sobre indicadores de desempenho de segurança no trabalho, perfis de saúde e estilo de vida do trabalho para o preenchimento do eSocial.  A entrada é gratuita, mas requer inscrição prévia no site da instituição (www.sympla.com.br/sesi-viva__371996).

 

De acordo com o gerente executivo do SESI nacional, Emmanuel Lacerda, o novo produto visa oferecer todos os programas legais parametrizados conforme exigência do eSocial, envolvendo os módulos como higiene ocupacional, ergonomia, análise de riscos, saúde e segurança no trabalho. “O interessante é que o serviço é feito sob medida para a empresa contratante, de modo que ela tenha acesso a um diagnóstico completo da sua empresa”, destacou.

 

Dentro da plataforma, será possível encontrar indicadores de gestão para saúde e segurança do trabalho, alertas sobre processos e conformidades com programas sociais, redução de seus custos com Fator Acidentário de Prevenção (FAP), menos riscos e custos com acidente de trabalho e absenteísmo e gestão de certificação de trabalhadores e da sua cadeia de fornecedores.

 

Ainda segundo Lacerda, o quanto antes as empresas consolidarem as informações, mais respaldadas estarão. “Além de evitarem multas e embaraços com a Receita, a empresa poderá atuar melhor em suas ações, inclusive aplicando melhor seus recursos em inovação”, frisou. 

 

Para o superintendente do SESI-PE, Nilo Simões, a plataforma tem o intuito de mapear soluções de saúde e segurança do trabalho para as empresas. “Com um panorama desse, a empresa poderá reduzir os custos e ser eficiente com os seus recursos”, disse. Ele ressaltou ainda que a adesão à plataforma vai facilitar, inclusive, a tomada de decisão sobre investimentos nas áreas de segurança ao trabalho e promoção à saúde.

 

Durante o evento de lançamento da plataforma, palestras sobre ‘eSocial e seus impactos. Sua empresa está preparada?’, ‘eSocial na prática’ e eSocial, chegou a hora!’ serão concedidas, com as instituições: Ministério do Trabalho, INSS e Receita Federal.  

 

Programação:

 8h30 às 9h – Café da manhã de boas vindas

9h às 9h05 – Abertura – Ricardo Essinger, Presidente do Sistema FIEPE

9h05 às 9h10 – Nilo Simões, Superintendente do SESI PE

9h10 às 9h50 – Palestra - Emmanuel Lacerda - Gerente Executivo de Saúde

                                 e Segurança na Indústria do Departamento Nacional

9h50 às 10h30 – Palestra - Paulo Telino - Ministério do Trabalho

10h30 às 11h10 – Palestra - Jorge Assis - INSS

11h10 às 12h – Palestra - Walistton Etelvino de Andrade e Silva - Receita Federal

12h às 12h40 – Palestra - Alessandra Christine Barros dos Santos - Caixa Econômica

12h40 às 13h – Perguntas

13h – Encerramento

 ​

​​